Hábitos simples que podem melhorar o seu desempenho sexual

A cultura ocidental sempre associa a imagem do homem a forca, a virilidade. Por isso se espera que o homem esteja sempre com desejo por sexo, que esteja sempre pronto, qualquer que sejam as circunstancias

Porém, a verdade é muito diferente dessa fantasia. Inúmeros são os motivos que acabam minando esse desejo sexual e grande parte deles está relacionado ao estilo de vida daquele homem. Seja o stress e o cansaço físico após um longo dia de trabalho, ou até um desgaste por problemas emocionais, muitas vezes se torna difícil adequar a pratica sexual a rotina.

O cotidiano acaba conspirando contra o sexo. É difícil conciliar uma vida moderna e atribulada, de estudos e trabalhos com a família e ainda achar um tempo para manter a saúde sexual em dia. Com a chegada da idade, é inevitável o envelhecimento do corpo, e a situação fica mais difícil.

Aposte no Zinco

Uma má alimentação é a fonte de uma série de problemas de saúde, e a baixa libido e dificuldades no desempenho sexual são apenas uma das facetas que uma alimentação ruim pode trazer para a sua vida. Ela pode gerar uma baixa produção de testosterona, que afeta o seu desempenho sexual, além de reduzir a produção de neurotransmissores que estão associados a fertilidade e o desempenho sexual.

Outros alimentos, são famosos por serem afrodisíacos. É o caso das ostras. A explicação por trás dessa fama, justificada, é que a ostra é uma boa fonte de zinco. A relação do zinco com o apetite sexual está na produção da testosterona. Baixo zinco no organismo é sinal de baixa testosterona, que por consequência diminui a libido. Por isso, aposte em alimentos para repor esse importante mineral ou aposte de suplementação.

 

Evite beber demais

Muitos acham que o excesso de bebida é favorável para o sexo. A verdade é que a embriaguez pode até estimular o ato sexual, mas o álcool no sangue acaba prejudicando a circulação do sangue no organismo, tornando a ereção mais difícil.

Algumas bebidas como uma boa taca de vinho podem ajudar a criar o clima de conquista, mas a moderação é a chave. O excesso de bebida acaba bloqueando a liberação de alguns dos neurotransmissores que promovem a sensação de bem-estar no organismo.

Além disso, o álcool prejudica o efeito de medicamentos de ereção no corpo, tornando até perigoso consumir esse tipo de medicação após a bebida alcoólica. Dessa forma, o álcool acaba por dificultar as respostas nervosas e vasculares, resultando num desempenho sexual pobre.

Não ao sedentarismo

Aliado a uma boa alimentação, a pratica de atividades físicas, de qualquer natureza é essencial para o bom funcionamento do organismo. A pratica constante de exercícios melhora a resposta física do nosso corpo a tudo, e quanto ao sexo não seria diference. O aumento de testosterona após os exercícios físicos também é outro ótimo motivo para se mexer.

A pratica de atividades físicas é especialmente benéfica para homens acima dos 40 anos, que já sofrem com a redução da produção de testosterona pelo corpo. Este é o resultado de um estudo conduzido por médicos da Universidade de Dublin. A perda de peso, consequência natural da pratica de exercícios físicos reduz em até 50% a chance de queda acentuada nos níveis de testosterona nessa fase da vida.

A atividade física também aumenta a fertilidade masculina. A contagem de espermatozoides e a quantidade de ereções (assim como a duração delas) também é mais alta em homens que mantem um estilo de vida ativo, em comparação aos sedentários.

 

De adeus ao cigarro

É notável que o cigarro afeta o corpo como um todo e a longo prazo, traz consequências terríveis para a saúde. Se a preocupação com a saúde não foi suficiente para te fazer largar o vício, talvez a performance sexual seja.

Isso porque um estudo recente da Universidade do Texas, nos Estados Unidos trouxe resultados alarmantes para os fumantes. Os ex fumantes são capazes de ter ereções cinco vezes mais fáceis do que homens que aonde consumam o cigarro. A nicotina é um dos maiores infligimos da ereção.

Isso porque a nicotina atrapalha a circulação arterial como um todo, prejudicando a chegada só sangue nos corpos cavernosos do pênis, tornando a ereção muito mais difícil. O estudo ainda apontou que homens que sofriam de impotência e eram fumantes, experimentação melhoras consideráveis ou até cura no quadro de impotência sexual, após largar o cigarro.

Suco de Romã

A romã ainda é uma fruta sazonal, difícil de ser encontrada e cara no Brasil. Entrastando, ela é uma optima aliada da sua performance sexual. É o que descobriu a Universidade de Edimburgo, na Escócia. Um estudo com voluntários que consumiram um copo de suco de romã por dia durante 2 semanas, tiveram um aumento considerável de até 30% nos níveis de testosterona.

E se engana quem acha que só jovens podem se beneficiar. A pesquisa contou com homens de idade entre 21 e 64 anos. A explicação é que o suco de romã e rico em antioxidantes e melhora a circulação sanguínea, facilitando a ereção.

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *